domingo, abril 13, 2008

Viagem de táxi


Ontem foi dia de comemoração do aniversário de um amigo.
Jantar no Bairro, um copo aqui e ali e depois Maria Lisboa.
Ao sairmos do Bairro apanhámos um táxi para o Maria.
Eu e o amigo fomos no banco de trás e a namorada no da frente...
(ok, ela ainda estava sóbria eu e o amigo... bom... já estávamos bem dispostos!!)
Para começar a viagem, tive de abrir a janela, tal não era o cheiro a álcool dentro do carro ( para que conste, não era nosso!)
O senhor começou logo por nos oferecer cigarros (parece que o carro do senhor tinha um daqueles autocolantes azuis com um desenho de um cigarrinho, não o vi!) e engraçou logo com a namorada a dizer que era muito gira e tal... Até aqui tudo bem...
Entre conversas (sempre com ela, eu e o amigo falávamos do tempo), pergunta-lhe o que ia beber na discoteca e para continuar pede-lhe para pensar nele enquanto bebesse o próximo copo!
Ao que eu lá de trás respondo:

"Ela tem em quem pensar, não se preocupe!"

Comento com o amigo que tive pena de ter cortado as unhas porque já sentia as garras a sair de fora (pela primeira vez!), ele, sempre com o seu humor fantástico responde-me que é falta de cálcio e esfrega-me as mãos!
Quando chegámos ao destino foi a gota de água...
Além do descontinho (nas suas palavras, "faço-te um descontinho, gostei muito de ti, um descontinho, isto não é nada, dá para uma pastilha elástica!), ao pagar ao senhor ele não foi de modos e põe-lhe a mão na cabeça a fazer festinhas...
Abri a porta do carro e disse ao senhor taxista:

"Olhe gosta muito dela, não é? Mas é minha, por isso não se aproveite!"


A cara do senhor valeu pela noite toda, espantado e confuso, num milésimo de segundo tirou a mão da cabeça dela e nem aceitou gorjeta!


Narizinha soltou as garras... pela primeira vez... hum, soube bem!!

6 comentários:

Inha disse...

Olha, como uma viagem de táxi pode ser tão perigosa..gostava de ser mosquinha para ter visto as caritas!! lol (mas imagino!!)

cumplicidades disse...

O que eu adorava ter assistido a esta cena hollywoodesca!
Não sei como é que não saltou uma mão disparada :o)

Pensa positivo, já podem comprar uma gorila...ehehe

Beijos

Maria Papoila disse...

Garras de fora quando olham para a nossa babe, nem mais.

Narizinha disse...

inha, imagina sim!!
:oP

cumpli, a mão não salta assim... só para palmadinhas nas costas das amigas!!
;oP

maria papoila, olhar podem, até acho piada quando isso acontece, agora tocar... o caso muda de figura!
:o)

Rute disse...

LOL! Acontece aos melhores. Por muito calmas que sejamos por vezes mostramos as garras! E sim, sabe bem! ***

Bixinha disse...

Estiveste muito bem!À que preservar o que é nosso;)