terça-feira, Outubro 30, 2012

Já passa da meia noite, já é dia 30... Fez ontem seis anos... E continuas a fazer-me falta...

terça-feira, Abril 10, 2012

Ultimamente tenho pensado bastante em ti...
Quero escrever e as palavras não me saem, como se estivessem cravadas em mim, com medo do que poderá acontecer se saírem...
Está na altura de mudar de ares. É o que vou fazer, mudar de cenário, lidar com a palavra perdão mas longe... Perdoar-me a mim mesma...

quinta-feira, Março 01, 2012

Porquê que as pessoas fazem comentários e depois apagam? Como se eu não os visse na mesma...

terça-feira, Janeiro 10, 2012

Bom Ano!! :)

terça-feira, Dezembro 20, 2011

A sério, ainda há gente que vem aqui?!? Wow...
Tenho saudades deste bloguito!
Foi um ano muito complicado... Mas termina em muito bem disposto e em grande, para começar uma nova etapa!
Feliz Natal e óptimas entradas!!

segunda-feira, Janeiro 24, 2011

Vim espreitar o bloguito e até estava para escrever umas palavrinhas, mas agora só me apetece dizer "deslarguem-me pá"!
Paz, sossego e tranquilidade, como diz o outro, é o que quero :)
Qualquer dia volto de novo!

segunda-feira, Fevereiro 15, 2010

Às vezes sinto uma necessidade enorme de escrever e venho aqui.... paro... olho, leio, releio e nada... simplesmente nada...
Perdi a vontade de escrever neste blog, talvez por já não ser tão anónimo assim...
Este canto meu, deixou de ser só meu...
Começou por ser um espaço para deitar cá para fora palavras que não me saem da boca, depois foram peripécias da minha vida, na maioria das vezes engraçadas e agora? Agora é um espaço, apenas um espaço... onde não partilho o que sinto, não conto o que me vai na alma, não dou pontapés nas palavras que teimam em não sair pela boca...
Criar outro blog? Não é a mesma coisa... Dar por terminado o bloguito? Também não quero...
Já há algum tempo ando a pensar em fazer mais uma tatuagem, fechar mais um ciclo... Daqui a uns tempos...
Não vou fechar este blog, só gostava de ter mais vontade de cá vir...

quinta-feira, Outubro 29, 2009

Três anos

Vais-me desculpar, sei que não gostarias de me ver assim, dos três anos que passaram depois da tua morte, talvez este seja o pior.
O coração apertou, a angústia voltou, a saudade aumentou e o sorriso perdeu-se...
Sinto-me perdida, desorientada, zangada comigo mesma por dar conta do quanto me fazes falta...
Tenho vontade de escrever tanta coisa... um dia...
Amanhã será outro dia, certo? Amanhã é um novo dia...

segunda-feira, Agosto 10, 2009

"Façam o favor de ser felizes"
Uma frase que aprendi há muito.
A primeira vez que me foi dita, não me fez muito sentido, ao longo do tempo fui compreendo e hoje fez-me todo o sentido.

sábado, Agosto 08, 2009

Descansa em paz


...