segunda-feira, maio 14, 2007

Compras com a mãe…


A minha mãe fez-me uma surpresa, queria oferecer-me um cartão de memória para a máquina fotográfica, uma vez que os meus são "curtos" e como vou de viagem...
Ora bem, descobri que as máquinas fotográficas têm a "duração" de seis meses... pois a minha tem dois anos, está completamente desadequada às novas tecnologias... ou seja, não dá qualquer cartão nem qualquer memória (estava já eu a pensar em abusar da sorte, pimba... lá se foi toda!)
Fomos as duas a uma loja para comprar o dito cartão mas como já nos tinham informado que o cartão específico que a Nariguda mor queria não dava, dirigimo-nos ao balcão de atendimento...
Só havia uma pessoa livre e zás... da equipa...
A atrapalhação começou... eu corei, ela, topou-me logo, corou e a minha mãe ali no meio...
Calei-me, deixei a Nariguda falar... e a outra coitada gaguejava a tentar responder...
Fico sempre tão atrapalhada quando sou atendida por alguém da equipa... e ainda pior, com a mãe ao lado!!
Vi que as coisas estavam a correr mal, a rapariga gaguejava, falava rápido e a mãe sem entender nada, resolvi por a máquina na mão da minha mãe e ir dar uma volta, fingindo que ia ver qualquer coisa...
Quando regressei as coisas estavam mais calmas, pelo menos ela já não gaguejava, a mãe já entendia o que lhe era dito e eu já não estava corada!
Ok, tudo mais calmo, já posso falar, pensei eu.
A miúda estava a mexer na minha máquina, em coisas que eu não faço a mais pequena ideia onde são e como estão (eu limito-me a carregar no botão!), passa uma colega que resolve meter-se com a amiga e diz - "Já estás a estragar a máquina à senhora!"
E mais uma "coradela"!
" Ah... se quem estraga velho, paga novo, esteja à vontade, eu espero!" (disse eu)
E porque é que toda a gente se riu e eu e a rapariga ficámos atrapalhadas, coradas, a tentar disfarçar com sorrisos parvos?
Decidido o cartão, fomos embora...
Mãe - "Ah, esta rapariga sim, muito simpática, já nos deixou experimentar os cartões..."
Eu - "Pois..."
Mãe - "E viste a outra, não queria deixar, se não fosse ela... não entendo estas pessoas, estranho não é?"
Eu - "Pois... estranho..."

12 comentários:

AR disse...

Simpatia da Sr.ª pois! Na minha terra chama-se irmandade, ou melhor prima(ndade)!!!

Uma gagueja a outra cora, mas os problemas resolvem-se! Viva a homossexualidade!

Miss Shirley B. disse...

"We are family...I´ve got all my sisters with me".

hehe, é tão engraçado quando estas situações acontecem...embaraçosas, mas com a sua graça.

cumplicidades disse...

Já percebo porque sou eu a dar a cara em determinadas situações ;o)

E quanto à Nariguda-Mor, ai amiga ainda estou a rebolar pelo Tunel do Marquês de tanto rir!!!

Beijos para a narigudinha júnior

Narizinha disse...

ar, viva a homossexualidade que nos ajuda a fazer compras mais rápido e com tudo esclarecido!!
:o)

miss shirley b., lol
Pior de tudo é ter a mãe ao lado!!
:o)

cumpli, ninguém acredita mas eu sou muito tímida! Fico atrapalhada nestas situações mas ninguém acredita em mim, não sei porquê!
Estás a imaginar a minha mãe como Nariguda mor? Eheeheh o nome assenta-lhe que nem uma luva!! Lol
:o)

lost disse...

Hilariante!!

Narizinha disse...

Não entendo porque fico assim, com ou sem mãe ao lado, acontece sempre mas pior pior é com a mãe por perto, porque como não consegue detectar a outra pessoa não percebe porque fico atrapalhada e claro está que faz daquelas perguntas do estilo, "então o que te deu?" ou "estás bem?"... isto é muito mau!!!

Boo disse...

LOL

O que me ri... mas há coisas que me passam ao lado... porquê que achas que ela te identificou logo?? Eu, nessas coisas sou uma despistada, nunca percebo nada (a não ser que seja muito óbvio), como também acho que não se apercebem de mim... :P (será que sou só eu que sou assim?? [tapadinha])

É que, depois da fase inicial, em que achava que toda a gente era da equipa, estou na fase de me passar tudo ao lado... vai-se lá entender!

Boo disse...

Mudando radicalmente de assunto, tens um pequeno desafio à tua espera AQUI!! :P

Narizinha disse...

boo, a isso chama-se falta de "gaydar"!! Pode ter avariado!! Eheheh
:oP

cumplicidades disse...

Gaydar?? Tanto quanto tenho reparado o teu anda bem activo! :o)
Sei que podes ficar atrapalhada, o que me faz mesmo rir é imaginar a Nariguda-Mor! Anda uma mãe a criar uma filha para isto...ehehe

Beijos cúmplices ou deverei utlizar outra expressão?? :o) ahahaha

Narizinha disse...

cumpli, o meu sempre foi muito activo, rápido e eficiente!!
;o)

Jotinha disse...

Acontece a todas, basta ir às compras e com a mãe ao lado tudo se complica ! :)

Beijos e muitossssss

Parabéns pelo cartão, espero ver boas fotos!