terça-feira, novembro 13, 2007

Peço desculpa mas não resisti...

Não costumo manisfestar opiniões políticas, nem comentar artigos lidos aqui e ali, ou qualquer acontecimento mundial. Não quer dizer que não tenha opiniões ou não leia, simplesmente não gosto da crueldade social,(incluindo a minha...) enfim, mantendo esta posição, não resisti em fazer um pequeno apontamento sobre a "senhora terapeuta familiar".

SENHORA???? Com uma cara de transsexual que se esqueceu de fazer o tratamento hormonal, que credibilidade tem "isto"?
Terapeuta familiar? Sempre ouvi dizer que os psicólogos, terapeutas e afins, escolhem esta área para compreender ou curar os seus males, antes de curar os outros, esta sendo terapeuta FAMILIAR, diz tudo!
Mas será que há algum homem que pegue nisto? (Pimba, não consegue constituir família, toca de ir estudar qual o problema.)
Mas há alguma mulher que pegue nisto? (Pimba, se elas não me querem é porque não são normais, estão doentes!)
Está tudo recalcado, ah pois está! Com uma tromba destas estavam à espera do quê????

Peço desculpa pelo desabafo mas não resisti mesmo...

11 comentários:

Jotinha disse...

Que aberração de ser humano! :(

Miss Shirley B. disse...

Bem, esta mulher já apanhou com cada caçetada nos últimos dias. Chiça penico (é a minha expressão preferida, e depois)...deve estar tão arrependida de ter a merdinha que fez.

cumplicidades disse...

Mas quem é que disse à senhora que alguém se quer curar???

Parabéns pelo post opinativo, que por muito que nos queiramos abstrair e não dar opiniões por vezes torna-se difícil! Fizeste muito bem em dar a tua...sim, porque cada um tem a sua e quem quer dá-las, dá :o)

Beijos grandes para ti e uma "lambidela" para o Carlos Manuel

Sweet Porcupine disse...

....pronto.....trocaram-lhe o frasco do "litium" por outro frasco qualquer!!Ou então deram-lhe tantos choques que a mulher ficou avariada do sistema!Só pode!!

:D:D:D:D:D

Beijinhos ouriçados

Narizinha disse...

jotinha, pois...
Beijos muitosssssssss
:o)

MSB, será que tem capacidade para dar conta? De tão burrinha que é, é bem capaz de não perceber!!
;oP

cumpli, Carlos?? CARLOS????
David,querida, David e só quando estiver zangada o que neste momento é impossível porque não resisto àquele focinho lindo!
Beijos
:o)

sweet p, talvez as duas coisas!!
Beijos narigados!
:o)

cumplicidades disse...

Ups...acabei de meter a patinha na poça :o)

Vê lá esse beijinho de narizinha no focinho do DAVID...ehehe

Beijos grds

mistik disse...

Narizinha não podia estar mais de acordo contigo!!!
Aquilo só pede ser recalcamentos...

jinhos

Anónimo disse...

Olá Narizinho!!

Passo por aqui mts vezes, embora não costume comentar. Mas ao ler este post, vou ter de o fazer, pois estudo psicologia e não posso deixar passar em branco a imagem que a "pseudo-terapeuta" dá do que chama homossexualidade. No nosso meio académico, a chamada homossexualidade é apenas uma orientação sentimental ou sexual (como queiram) dirigida a alguém do mesmo sexo. Apenas isso. Não é de forma alguma uma doença, nem fisica nem mental. Neste momento encontro-me a estudar a teoria Freudiana ( que é bastante antiga). Mas pelos vistos a "pessoa" da fotografia do post, consegue ser ainda mais ( saida algures da idade média). Mas em todas as profissões aparecem de quando em vez "coisas" como essa. Os psicologos não são excepção. Portanto o melhor é ignorar aquilo que de ciência não tem nada. Nem de profissionalismo.

Já agora agradeço à Narizinho por ter trazido este tipo de situação para o post. Pois ainda há quem pense que os psicólogos têm esse tipo de ideias. É completamente falso.

M João (minima_mente)

:)
bjinhos

Anónimo disse...

Pois é anónimo Minimamente...ainda bem que vieste corroborar.
Que seria da Psicologia sem ti ou vice versa, não interessa...

Beijinho:/


Umbra

PMarques disse...

Infeliz...é o que descreve essa senhora desprovida de qualquer sentido, tino e bom senso, ainda para mais como profissional (será?...) da terapia....aliás. recomendo-lhe um terapeuta. Bjokas

Sofia disse...

freak show!!!