domingo, junho 10, 2007

Muros e máscaras...


No outro dia, a namorada disse-me que gostava quando escrevia, assim ficava a saber o que eu sentia, porque escrevo muito mais do que falo…
É-me muito mais fácil escrever do que falar e ao colocar a máscara perante as pessoas nunca se sabe bem o que vai cá dentro.
É um defeito, sim mas uma grande defesa…
Ontem, com um copo a mais (um??? Er…), em conversa com uma amiga recente, “despejei” partes da minha vida que são precisos anos de convivência para o fazer. Arrependida? Não, pelo contrário, fico contente não só por perceber que o consigo fazer, que o muro que criei à minha volta não é assim tão alto, como pude demonstrar que é possível fazê-lo à pessoa com quem estava a conversar, uma vez que tem uma forma de viver muito idêntica à minha.
Todos nós temos marcas do passado, umas mais carregadas que outras. Algumas marcam a personalidade e a forma de estar na vida, agora, há que aprender a viver com elas e é isso que vou fazendo ao longo da vida e cada vez melhor…
Como consigo? Não sei… talvez seja a força de vontade de querer ser feliz…

9 comentários:

Angell disse...

E "A força de vontade de ser feliz"; deve ser o mais importante na nossa vida! :)

Já por cá tinha passado; hoje ao ler o que escreveste, senti que devia de comentar... :)

Bjs!

Narizinha disse...

Se é angell...
Obrigada pela visita, volta sempre!
:o)

Marisa disse...

Faço minhas as palavras da angell. Também por aqui passo mas hoje apetece-me comentar, talvez porque sinto um pouco o peso dessas máscaras de que falas...
E, mesmo não sabendo bem o que dizer, só espero que derrubes os muros que ainda te cercam e que não tenhas medo de deixar cair as máscaras que ainda subsistem. Mas acima de tudo, que essa "força de vontade de ser feliz" nunca te abandone, Narizinha.
E, porque que há alturas em que as palavras não bastam, deixo-te um abraço de força.*

cumplicidades disse...

Ficas tão mais bonita sem máscara...

Beijos cúmplices

canela disse...

Nunca te falte nem a vontade nem a felicidade!
Não usar máscaras é capaz de ser a maior manifestação de coragem e força.!:))
Beijo grande

Chocolover disse...

Máscaras ... pois ... quem as não tem? ... :)

Jotinha disse...

Fico contente por saber q andas a tirar a máscara ! :P Ficas mais leve, mais binita !!!! ufa ufa

Beijocassssssssssssss

neva disse...

eu estou contigo é mais facil escrever do que falar, mas de vez em quando sabe bem ver que conseguimos por cá para fora. boa

Narizinha disse...

marisa, e fizeste muito bem em comentar, é sempre bom sentir a presença de quem nos lê!
Os muros fazem parte de mim e não deixarão de existir, sinto é que determinadas pessoas conseguem passá-lo mais facilmente que há uns anos atrás...
Volta sempre!
:o)

cumpli mas sinto necessidade de a ter...
;o)

canela, essa força não a tenho...
:o)

choco, ufa ainda bem que alguém se confessa!! Eheheh
:o)

jotinha, mas eu não estou a tirar a máscara, fi-lo com uma pessoa que não esperava que conseguisse fazê-lo...
:o)

neva, sabe sim!!
:o)